quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Dicas do Vini - Homem na balada, barzinho, boteco e afins

Você já leu os post das outras dicas? Aquelas de higiene e antes de sair de casa. É bom não ignorar (principalmente o da higiene).


Já leu? Está prontinho para sair, conhecer gente nova, conversar, bater papo... Se você for homem e "sair pra conhecer gente nova", é uma desculpinha esfarrapada que você dá pra sua mãe (e afins) para sair e tentar pegar alguém.


No mínimo, homem vai sair e ficar "de boa", mas nunca 100% "de boa". Se fosse 100% "de boa", o homem não se arrumaria, não passaria perfume e nem tomaria banho depois do futebol. Homem que saiu e está "de boa", se tiver oportunidade, vai anotar o telefone da oportunidade pelo menos. E claro, tem um ou outro que ficam de boa realmente, mas é raro.


Oportunidade... anote essa palavra. É isso o que você vai procurar quando sair de casa. Você quer "conhecer gente nova", mas a chance de tomar bota é grande se você sair chegando sem pensar. E também vai parecer cachorro cheirando a bunda de todo mundo. Então procure oportunidades e saiba aproveitar.


Vamos de alguns tópicos de lugares em que você pode encontrá-las:




  • Carro (no trânsito)
Não é para ver alguma bunda na rua e buzinar. Eu acho engraçado, mas não funciona. Você já viu alguma mulher dar bola depois de "E aí? Quer carona?" ou depois de uma buzinada? Nunca vi.


E gritar "Que saúde, heim?" ou fazer "fiu-fiu" estão no mesmo nível. A diferença que fazer "fiu-fiu" já demonstra sua idade avançada e sua falta de prática.

Um dos benefícios de se morar em São Paulo: mais trânsito, mais oportunidades. Quem nunca olhou para o carro ao lado no semáforo? Você procurou um rosto bonito, mas você já viu alguém limpando o nariz sem ferramentas. Opa! Horário errado. Aquele horário em que você está indo pra balada é quando todo mundo está indo pra balada, logo esse é o horário certo de olhar para o lado.

Porém, nessa "tática" tem uma desvantagem: se você for feio, não vai ter muito sucesso. No trânsito, a primeira coisa que vão ver é o capricho da sua mãe em fazer a sua cara. Mas isso não é garantia de sucesso, pois a mulherada até pode te achar o mais gato, o mais lindo... mas se a mulher for tímida, ela nem vai dar conversa.

Não desista. Quando menos você esperar, alguém vai olhar pra você e mostrar quantos dentes tem... e você vai falar alguma coisa. Pode ser alguma coisa besta como "Onde fica a Rua General Alberto Torres?". Tá ótimo! Se você viu que a menina deu bola, pergunte pra onde ela (ou elas. Mulher anda em bando ou dupla) vai  (ou vão). Não deu certo? Não tem problema... vá tentando. Não se preocupe com isso, pois isso acontece quando menos se espera.

Uma vez eu estava parado no trânsito, comendo uma bolachinha, concentrado na música, quando aparece um carro com umas 4 meninas. Aí tem aquela famosa sequência: Você olha >; Menina olha > Você sorri >  Ela sorri de volta > Ela comenta com as amigas > As amigas olham discretamente como se procurassem uma promoção de bolsas > aí você sorri de novo e dá uma risadinha do tipo "te peguei". Depois disso, conversamos umas besteiras aí a menina saiu do carro das amigas e veio pro meu. Au aaaau! Foi engraçado, não foi a melhor coisa da minha vida, mas estava lá sem fazer nada mesmo... depois peguei o telefone e a menina voltou pro carro das amigas.

E olha, algumas mulheres até podem não concordar, mas é fato: o carro ajuda a embelezar o homem. Se tiver um carro bom, suas chances serão melhores. E não adianta pensar "ah! mas isso é só com as interesseiras". Vai por mim, as interesseiras são maioria, a outra parte vai pensar como você conseguiu ter um carro bom e vai valorizar.


  • Balada
Balada em geral não dá nada. Tudo gira em torno da pista de dança que é o pior lugar. Você pode até falar "aaah, mas eu já me dei bem na pista...", mas me explica como você conseguiu conversar com a música? Sei lá. Ou estou surdo ou você tem ouvido biônico. Acho que pista é péssimo, só serve pra dar umas olhadinhas e ver quem olha de volta.


Aí tem os manés que puxam cabelo, pegam no braço, dão um mata-leão, jiu-jitsu, capoeira... tudo no meio da pista ou nas passagens. Pra mim, isso é a mesma coisa de fazer chantagem com a mulher: "ou você me beija, ou vou te dar uma bifa". Acho que se falasse isso para ela, seria mais honesto e teria algumas que gostariam.

Tá na pista, engane os outros que sabe dançar e que não está nem aí pra nada. Vá procurando olhares de recepção e aprovação. A mulher vai dar uma brecha qualquer hora indo ao bar, área de fumantes... e é lá que a conversa pode acontecer.


Quantas vezes eu não fui pra área de fumante segurar cigarro pra fingir que fumo. E puxar papo é fácil: "Tem cigarro?". Ir para o balcão e falar "tô com muita sorte, brinda comigo pra ela não ir embora?". 


Tem mulher com umas manias de sair pra noite pra ficar dando fora em todo mundo. Geralmente é a menina mais ou menos que é "a melhor da balada". Chegam 1, 2... 8 e ela não dá nem conversa pra ninguém. Olhe antes de tomar uma bota gratuita. As mulheres olham quando você chegam em outra e percebem que são a segunda opção.
  • Barzinho
Você precisa ser muito bom e estar bem confiante pra dar certo. Imagine 4 mulheres com altos papos de roupa, outras mulheres e bofes, e você interrompendo o assunto pra falar "E aí, gatinha?". (Chamar de "gatinha" é perder pontos) Elas vão olhar, medir você e analisar friamente. Se houver expectativa sobre você, significa que você será julgado racionalmente e com tendências a botar defeitos para comentar com as mesmas amigas da mesa. É muito mais fácil surpreender quando não tiver expectativas.

Antes de chegar, olhe e escolha a amiga mais feia do grupinho (sempre tem uma feia) e chegue do lado oposto ao da amiga feia. Olhe para todas, mas olhe mais vezes para a feia. Mulher é competitiva e vai reparar que você está olhando a mais feinha. Elas vão pensar  "como assim ela olha para ela e não para mim?". Aí você já começa fazer o que elas não esperam.


Precisa ter habilidade, assunto e jogo de cintura. É difícil, mas é mais fácil do que abordar uma dupla. Em dupla, as duas julgam você e seu amigo. E é claro que é mais fácil ela dar um fora do que dar mole pra alguém e ser zuada pela amiga.

  • Churrasgato
Se o dono da casa for seu amigo, ele pode falar quem está solteiro, quem é chato, e quem é quem. Ele poderá fazer mais do que isso. Pode até fazer seu marketing com algum "alvo" bom. Lembrando que o trabalho maior é seu.

Mas lembre-se do básico: não beba demais, não coma demais e não faça gracinhas demais. Queimar filme é muito fácil nessas ocasiões. E é fácil começar um assunto também.

Tenha calma, tenha paciência. A mulherada não vai fazer nada no começo. Quando o povo estiver indo embora, aí pode ser que role alguma coisa.



Agora vamos falar de alguns detalhes independente dos lugares:



  • Check list

Tá com bafo? Coloque um halls na boca.
Tá com pizzas no braço? Perdeu, hoje não vai dar nada.
Tá sóbrio? Vai beber alguma coisa, Gente relaxada conversa mais.


  • Approach
Homem que é homem chega na mulher. Mas homem que é homem se borra também. Muito ou pouco, mas se borra. O mais corajoso, bonito, inteligente, ultra pumper jumper blaster fodão pode chegar na modelo, na artista da Globo, na capa da revista ou na feinha de perna mal depilada, mas sempre existirá a chance de tomar um "não". E ele também tem medo de tomar "não".

Na maioria das vezes, a mulher só desvia, só sai de lado... mas, na cabeça do homem, se ele chegar na mulher, ele vai escutar "sai daqui, seu escroto". Isso só melhora depois de vários "nãos" que você toma.


  • Sorria
Treine seu sorriso. O pau pode estar quebrando, mas mantenha a postura.:

    • Ela deixou cair bebida na sua camisa da sorte? "Ah, tudo bem, estava velha mesmo...";
    • Outro carinha está dando em cima dela? "Beleza! Se ele não tivesse 2 metros de largura, ele iria ver";
Um sorriso (completo) atrai e indica segurança entre outros benefícios. 



  • Conclusão
Saia bastante, se habitue com os lugares e faça se sentir à vontade. Tome foras, se divirta e vá aprendendo. Não se preocupe em "raspar a panela", "fazer caridade" ou "fazer gol feio", pois todo mundo já beijou gente feia. Com certeza, seu amigo pegou uma pior.




Nenhum comentário:

Postar um comentário